Posted on / by Pablo Bizzi / in Empreendedorismo, Motivação, Vida

Quando devo sair da zona de conforto?

Tive muitas dúvidas no momento de batizar esse texto, entre “Quando devo sair da zona de conforto?” e “Qual o momento certo para empreender?”. Note que os títulos podem parecer muito diferentes ou iguais, dependendo apenas do ponto de vista.

Sair da zona de conforto traz inseguranças, principalmente em relação ao medo do fracasso. Um medo que só aumenta com a instabilidade econômica do nosso país, gerando diversas dúvidas a respeito de quais ideias podem dar certo durante a crise. Por isso, escrevi um artigo falando sobre esse tema na semana passada e você pode conferi-lo neste link.

Começo este texto apresentando uma frase do escritor americano Neale Donald Walsch, autor de diversos best sellers, como o livro “Conversando com Deus”:

“A vida começa no final de sua zona de conforto.”

O que é a vida que o autor menciona? Creio que seja aquele frio na barriga e aquele tesão em perseguir o desconhecido. Sair da zona de conforto é algo inevitável, você será obrigado a sair um dia, por mais que resista. Ninguém passa a vida inteira sem encontrar dificuldades. A única certeza que podemos ter a respeito da vida é a própria incerteza.zona

Me desculpe se causei frustração com essa verdade. Se você achava que ia ler esse texto e receberia instruções exatas de quando deve sair da zona de conforto, me desculpe novamente. Meu foco é trazer a reflexão e motivação necessária para que você sinta quando é o SEU momento certo para isso acontecer.

Não se sinta culpado por não ter pensado a respeito disto anteriormente, desde criança muitos de nós fomos desestimulados a experimentar coisas novas, sempre recebendo uma superproteção ao desconhecido por parte de entes queridos. E agora, como adultos, continuamos assim porque FOMOS ACOSTUMADOS a isso.

Provavelmente você já viu, na linha do tempo do Facebook, por exemplo, notícias sobre jovens de apenas 13 anos que já possuem grandes franquias e são milionários. Sim, eu também me sinto pressionado por isso. Contudo, é de suma importância que nos blindemos disso e entendamos que somos diferentes, cada um tem seu tempo e precisa chegar ao seu próprio nível de maturidade, evitando assim a autossabotagem.

É muito normal que autossabotagens ocorram, mas como seres em desenvolvimento, estamos sempre procuramos maneiras de nos refinar e progredir. Possuímos dentro de nós o poderoso anseio de sempre melhorar o que somos e temos. E para obter sucesso neste instinto, precisamos sair da nossa zona de conforto, pensar fora da caixa, independentemente da idade que possuímos.

Para defender minha tese de que não existe uma idade certa e sim um momento propício, anteriormente mencionei neste artigo que Jan Koum, fundador do WhatsApp, desenvolveu o aplicativo com 35 anos. Outro exemplo, John Pemberton, criador da receita da Coca-Cola, lançou sua famosa bebida com 55 anos.

Com certeza os jovens de 13 anos ou os senhores da chamada “melhor idade” que hoje empreendem podem dizer que sair da zona de conforto é simplesmente tornar a vida muito mais interessante. Posso sentir que se você chegou até aqui neste artigo, você não quer uma vida monótona, previsível e no “modo automático”.

E agora? Você vai arranjar qual desculpa para justificar seu medo de arriscar?

Tags:

Deixe uma resposta